Klaus Makela (1996).

  • Profissão: Maestro, violoncelista.
  • Relação com Mahler: Participante Mahler Festival 2020 Amsterdam.
  • Nascido em: 00-00-1996 na Finlândia.

Também: Mäkelä.

Klaus Mäkelä é o recém-nomeado Maestro Chefe e Consultor Artístico da Filarmônica de Oslo, começando na temporada 2020-2021. Ele também é Maestro Convidado Principal da Orquestra Sinfônica da Rádio Sueca e Artista Associado a Tapiola Sinfonietta. Desde 2019, Mäkelä também é Diretor Artístico do Festival de Música de Turku.

Após uma temporada de estreias internacionais impressionantes na última temporada, na temporada 2018/2019 Klaus Mäkelä retorna à Orquestra Filarmônica de Oslo, MDR Leipzig e orquestras sinfônicas da Islândia e Orchester National du Capitole de Toulouse. Mäkelä também começou seu mandato com a Orquestra Sinfônica da Rádio Sueca e Tapiola Sinfonietta, onde embarcará em um Ciclo de Beethoven nas próximas 3 temporadas. Ele também fará estreias com a Orquestra de Paris, a Orquestra Nacional de Lyon, a Rádio de Frankfurt, as orquestras sinfônicas de Antuérpia, Berna e Malmö e a Filarmônica de Bergen.

Mäkelä já regeu muitas orquestras finlandesas e agora se apresenta regularmente com a Filarmônica de Helsinque, a Orquestra Sinfônica da Rádio Finlandesa, a Orquestra Sinfônica de Lahti, as Filarmônicas de Tampere e Turku e a Orquestra de Câmara Ostrobothniana.

Klaus Makela (1996).

Na última temporada, Mäkelä estreou com a Royal Stockholm Philharmonic Orchestra, Swedish Radio Symphony Orchestra, Minnesota Orchestra, National Arts Centre Orchestra (Ottawa), Tokyo Metropolitan Symphony Orchestra, NDR Radiophilharmonie, Orquesta Sinfonica de Galicia, Orchestra National du Capitole de Toulouse, Rádio Finlandesa , Lahti, Norrköping, orquestras sinfônicas da Islândia e Kristiansand, Kammerakademie Potsdam (onde também liderou do violoncelo) e a Orchester de Chambre de Lausanne. Ele também voltou para a Orquestra Sinfônica de Gotemburgo, orquestras filarmônicas de Helsinque e Turku.

Também trabalhando na ópera, Mäkelä fez sua estréia na ópera com a Ópera Nacional da Finlândia, regendo A Flauta Mágica. A sua relação com o FNO iniciou-se em 2016/17 com a actuação concertante do Aino de Erkki Melartin.

Na Academia Sibelius, estudou regência com Jorma Panula e violoncelo com Marko Ylönen, Timo Hanhinen e Hannu Kiiski. Como solista, ele se apresentou com orquestras finlandesas, como a Lahti Symphony, Kuopio Symphony e Jyväskylä Sinfonia, além de se apresentar em muitos festivais finlandeses, incluindo Kuhmo Chamber Music e Naantali Music Festival.

Klaus Mäkelä toca um violoncelo Giovanni Grancino de 1698, gentilmente cedido a ele pela OP Art Foundation.

  • Maestro Chefe e Consultor Artístico: Orquestra Filarmônica de Oslo (de 2020-2021).
  • Maestro Convidado Principal: Orquestra Sinfônica da Rádio Sueca.
  • Artista Associado: Tapiola Sinfonietta.
  • Diretor Artístico: Festival de Música de Turku.

Se você encontrou algum erro, por favor, avise-nos selecionando esse texto e pressionando Ctrl + Enter.

Relatório de erros ortográficos

O seguinte texto será enviado aos nossos editores: